Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2016

A TRADIÇÃO REFORMADA E A POLÍTICA

A TRADIÇÃO REFORMADA E A POLÍTICA Rev. João Ricardo Ferreira de França.
Introdução:             Atualmente estamos vivendo em uma época no qual a política tem sido desacreditada, mas que o estado tem sido valorizado; há outra sintomática muito curiosa é que somos ensinados de que o cristão não deve se envolver em política. Esta é a concepção do mundo evangelical como todo.             Entretanto, como herdeiros da Tradição Reformada ou Calvinista possuímos um pensamento distinto quanto a este particular. Entendemos que a força propulsora das principais estruturas governamentais em nosso mundo ocidental deve muito ao pensamento e a influência de João Calvino. B.B. Warfield nos lembra que “ as raízes do calvinismo estão plantadas em uma atitude religiosa específica...desta emana, uma organização eclesiástica especial [...] envolvendo uma ordem política específica”.[1] E esta concepção garante as liberdades individuais conforme aprendemos com Biéler: “Denis de Rougemont ponderou que nenhu…

CURSO DE GREGO

NOSSA INIMIGA, A ESCOLA DO ESTADO

NOSSA INIMIGA, A ESCOLA DO ESTADO* John Cobin, Ph.D. Não conhecer o nosso inimigo é algo precário, para dizer o mínimo. Achamo-nos em grave perigo quando nosso inimigo se encontra estabelecido de forma incógnita em nosso meio. Nosso inimigo usa, de forma efetiva, artifícios para se disfarçar como algo inofensivo ou mesmo benigno em um dado momento no tempo. Contudo, o terrível pesadelo social que é gerado é algo que se pode avaliar a longo prazo. Porque teríamos que esperar logo menos sagaz das forças que conduzem a escravidão? Qual instituição brasileira, acima das demais, que tem feito muito para minar a liberdade e moralidade em nossa sociedade? Alguém poderia pensar nos grupos de ativistas gay, os meios de comunicações mais influentes, os grupos feministas de ação, a indústria da pornografia, ou inclusive a própria Receita Federal ou o Banco Central com sua taxa de juros. No entanto, apesar de mau que são essas instituições, não há instituição que por si mesma tenha produzido tant…

A EFICÁCIA DO BATISMO

III – A EFICÁCIA DO BATISMO. Pr. João Ricardo Ferreira de França. Compete-nos tratar também deste tema que se relaciona com o Batismo Cristão que é o assunto da eficácia deste sacramento. Isto é importante porque na tradição romanista o sacramento do Batismo possui conotações regeneradoras, ou seja, para o catolicismo romano o batismo opera a salvação.             Outra preocupação que nos faz ocupar deste assunto é fato de que na tradição evangélica-protestante há uma tendência ao rebatismo como padrão doutrinário ou mesmo como uma distinção entre os que seguem a doutrina ortodoxa e os que são heterodoxos ou até mesmo os que são tidos como heréticos. 3.1 – A Eficácia dos Sacramentos e a Confissão de Fé de Westminster:             Qual é a validade dos sacramentos na vida cristã? Qualquer pessoa que ministrar os sacramentos deve ser aceito como válido? Geralmente a resposta que nós oferecemos a estas duas questões é que a validade do batismo e a sua eficácia depende de quem realizou o sac…

O Batismo Cristão e o Culto Reformado

O BATISMO CRISTÃO E O CULTO Rev. João Ricardo Ferreira de França.
Introdução:             O tema que o nosso estudo neste momento se ocupa é deveras importante para a vida do povo de Deus. O batismo cristão tem, ao longo dos anos, tomado uma variada significação nos demais grupos cristãos e de diversas confissões. O Batismo é o rito de ingresso na Igreja de Deus. E, por esta razão, as Igrejas cristãs o tem em alta consideração pelo seu valor sacramental. Mas, o que é o Batismo Cristão? A Confissão de Fé de Westminster no capítulo 28 seção 1 responde: O Batismo é um sacramento do Novo Testamento, instituído por Jesus Cristo, não só para a admissão solene do batizado na Igreja visível, mas também para servir-lhe de sinal e selo do pacto da graça, de seu enxerto em Cristo; de sua regeneração, ou remissão de pecados e de sua total entrega a Deus através de Jesus Cristo, para andar em novidade de vida. Este sacramento, segundo a ordenação do próprio Cristo, há de continuar em sua Igreja até a…